Até então você já deve ter ouvido sobre o retorno dos 5% adicionais na margem consignável e a grande procura por contratos consignáveis. Mas, vamos juntos conhecer um pouco mais sobre o assunto e descobrir quanto tempo demoraria para o dinheiro do seu contrato consignado cair na conta.

          Primeiramente, devemos lembrar sobre o que se trata o empréstimo consignado, não é mesmo? Falamos então da principal linha de crédito do país para pessoas físicas, justamente pelo fato de abranger grande parte da população e possuir as menores taxas de juros dentre as demais modalidades de crédito.

          Ao realizar um contrato de consignado, o pagamento das parcelas é debitado automaticamente do benefício/salário, sendo assim, o risco de inadimplência praticamente não existe e as instituições financeiras conseguem então ofertar juros amenos.

          Atualmente, os públicos que podem realizar o empréstimo consignado são: aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), militares das forças armadas, servidores públicos e trabalhadores de empresas privadas (na qual a empresa possua vínculo consignável com alguma instituição).

Ademais, após liberado recentemente, beneficiários do Auxílio-Brasil e do Benefício de Prestação Continuada (BPC/LOAS) disponibilizado pela Previdência Social também podem requisitar um contrato de empréstimo consignado.

          Caso se enquadre em algum desses públicos, você então, leitor, tem direito a linha de crédito com os menores juros do mercado, tendo a possibilidade de um contrato que permite o pagamento do valor emprestado em até 64 vezes, sem consulta a negativados e sem comprometimento da renda mensal.

          O empréstimo consignado é considerado justamente o aliado dos brasileiros com problemas financeiros ou que desejam realizar seus sonhos e objetivos justamente pelos fatores ditos acima.

          É, então, indicado para fugir do superendividamento que muitas vezes é criado por outras linhas de crédito (como o cartão de crédito tradicional) e por isso não se realiza consulta ao SPC ou Serasa.

          Já no que se refere ao não comprometimento do benefício/pagamento, falamos sobre a existência da margem consignável que protege os gastos mensais do indivíduo, mas que mesmo assim ainda proporcionam a oportunidade de garantir um bom valor de empréstimo.

          A margem consignável nos dias atuais encontra-se em 40%, sendo 35% para o empréstimo e 5% para o cartão de crédito consignado, para os beneficiários do INSS e aos beneficiários do Auxílio Brasil após a promulgação da Medida Provisória nº 1.106.

          Mas, enfim, quanto tempo demora então para cair o valor do consignado contratado?

          Com a atual demanda, após o aumento da margem consignável, é possível que haja um pequeno atraso no depósito, entretanto, calcula-se que entre 3 a 5 dias úteis o valor já esteja na conta, então, não se preocupe.

          Nas principais instituições bancárias do país, os prazos encontram-se da seguinte forma:

          Entretanto, vale lembrar que com a atual digitalização dos serviços e o avanço cada vez mais impressionante da tecnologia, encontrar melhores oportunidades de empréstimo mesmo fisicamente longe de você tornou-se muito mais fácil.

          Quer uma dica de como encontrar as menores taxas de juros do mercado? Basta acessar o site da Solução Crédito Online e ter a seu favor a oportunidade de simular um contrato de empréstimo que cabe no seu bolso e com as melhores opções disponíveis. E o melhor, tudo de forma 100% online. Então, não deixe de conferir.