Você sabia que através do pedido de uma revisão do INSS, você pode melhorar o valor recebido, mudar o tipo ou a modalidade de aposentadoria, e outros benefícios, para aqueles com mais benefícios?

Isso pode ser feito graças a uma previsão na lei e por meio de uma análise feita pelo INSS. E, isso acontece devido a atualização de informações que na época que foi concedido o benefício, não entrou no cálculo.

Então, fique atento, pois solicitar uma revisão do INSS em 2021 pode melhorar o valor recebido; bom demais, certo?

Por isso, nesse artigo você vai saber se você pode pedir uma revisão do INSS em 2021.

 

Quem tem direito a revisão dos benefícios do INSS

Todas as pessoas que recebem alguns benefícios do INSS têm direito a um pedido de revisão, o que pode ser solicitado desde o mês seguinte ao do mês de pagamento inicial do benefício.

Mas é interessante você ter uma consulta com um advogado, o qual vai checar informações como estas:

·      Suas contribuições ao INSS;

·      Dados sobre vínculos de trabalho que possam aparecer no cálculo;

·      Período de exercício de atividades profissionais insalubres;

·      Salários contributivos mais altos do que aqueles do cálculo do CNIS (Cadastro Nacional de Informações Sociais).

Geralmente, isso é necessário para que o contribuinte possa demonstrar que o cálculo feito ficou errado.

E, lembre-se de levar seus documentos pessoais para a solicitação das revisões.

Tipos de revisão de benefícios

Inclui dentre as revisões que pode ser solicitadas ao INSS:

·      Revisão do artigo 29: onde se inclui três tipos de benefícios, os quais são: a aposentadoria por invalidez, o auxílio doença, auxilio acidente e pensão por morte. Saiba que podem solicitar essa revisão, as pessoas que tiveram seus benefícios aceitos desde abril de 2002 e agosto do ano de 2009.

 

Está prevista no artigo 29, inciso II da Lei 9.876 em relação aos benefícios citados acima. Lembrando que não é possível excluir 20% dos menores salários, certo?

 

·      Revisão da vida toda: Saiba que pode pedir a revisão o beneficiário que tenha contribuído para o INSS antes do ano de 1994, de modo que ele tenha recolhido valores altos para o INSS.

 

·      Revisão do teto: é para aqueles que se aposentaram entre 1998 e 2003, uma vez que o governo elevou o valor do teto. E, nesse período o INSS      não havia repassado essa correção ao contribuinte.

E, quanto a essa revisão, diferente de outras, não existe prazo para pedir.

 

·      Revisão de pagamento de recolhimento em atraso: isso é para pessoas que são empresários ou profissionais autônomos que tenham deixado de contribuir para o INSS por algum período.

 

·      Revisão por ação trabalhista: ocorre quando o contribuinte ganha uma ação trabalhista na justiça e o empregador precisa fazer o recolhimento das contribuições ao INSS e verbas em que o trabalhador tinha direito.

Existe prazo para pedir uma revisão?

Sim, existe prazo, o qual é de 10 anos e começa a contar quando você começa a receber o benefício do INSS.

Em alguns casos, dependendo das contribuições, se forem anteriores a 1994, as revisões podem ser feitas com um acréscimo de até 70%, considerando ainda o montante em atraso.

 

Concluindo

Agora, você pode pedir uma revisão do INSS em 2021. Mas como você viu, existe um prazo, então, fique atento. Combinado?

Você conferiu ainda algumas modalidades de benefícios que dão direito ao pedido de revisão, bem como algumas características dessas revisões.

E, para mais artigos como este de hoje, fique por aqui no site.